Renan M. Viana

Aurélio Alves/O POVO

O advogado Renan M. Viana defende a justiça como uma força transformadora da sociedade na qual vivemos. “São 23 anos de exercício profissional, sempre na condição de
advogado militante”, comemora. Sócio da Valente & Viana Consultoria Jurídica e Advocacia, que conta com mais de 40 anos de existência, o profissional se graduou, em 1995, na Universidade de Fortaleza (Unifor), realizando logo depois uma pós-graduação em direito processual civil na Universidade Federal do Ceará (UFC).  

“A motivação principal decerto foi a vocação natural, pois o sabor da justiça realizada não encontra comparativo em meu bem-estar pessoal”, reflete, ao pensar sobre os caminhos que o levaram à carreira. Na linha de frente da atuação de Renan estão demandas envolvendo direitos e garantias de servidores públicos, desapropriações, licitações, direito do trabalho e cível em geral.  

Segundo Renan, o direito cearense tem grandes representantes éticos e profissionais quando o assunto é carreira jurídica. “No Ceará, são diversos os colegas que provocam inspiração profissional, valendo destacar, dentre outros, Alfredo Valente no direito civil e ambiental, Clayton Marinho no direito criminal e Aroldo Mota (in memoriam) no direito eleitoral”, pontua.  

Já em âmbito nacional, a inspiração maior de Renan é o saudoso jurista Heráclito Fontoura Sobral Pinto (1983 – 1991). É de Sobral Pinto uma citação que motiva o cearense. “O advogado só é advogado quando tem coragem de se opor aos poderosos de todo gênero que se dedicam à opressão pelo poder. É dever do advogado defender o oprimido. Se não o faz, está apenas se dedicando a uma profissão que lhe dá sustento e à sua família. Não é advogado”, cita, num contínuo exercício de aprendizado.  

Nessas mais de duas décadas de carreira, o profissional coleciona momentos especiais. Entre eles, dois se destacam. O primeiro foi sua atuação na Caixa de Assistência dos Advogados do Ceará (Caace). “Causa enorme satisfação o reconhecimento dos colegas de profissão por minha atuação como diretor-tesoureiro da Caace nos períodos de 2010/2012 e 2013/2015”. O segundo diz respeito à idealização do Fórum Interinstitucional Previdenciário conjuntamente com os colegas Vinicius Maia e Ênio Mourão, que trouxe relevantes contribuições na agilização da entrega da prestação jurisdicional aos cidadãos, conta.  

Acima desses orgulhos, porém, há um maior: a família. “Sou filho de Raimundo Nonato Viana e Wilna Martins Viana, ambos advogados e laureados com a medalha advogado padrão”. Renan é casado com Michelle Custódio Lima Viana, também advogada, e pai de Valentina Custódio Viana e Enzo Custódio Viana.